domingo, 25 de agosto de 2013

Minha Vida e as Portas Estreitas



Lc 13,22-30


Jesus sempre me fez ser itinerante... caminho, como Inácio de Loyola, sozinha e a pé... Ainda hoje, me faz atravessar Cidades, Estados e até alguns Países...


É verdade que são poucos os que se salvam...


Contudo, Jesus sempre se esforça para que eu esteja diante de portas estreitas... portas largas passam ao longe de mim...


Tem vezes que Lhe peço para me abrir portas mais confortáveis.... menos dolorosas... entretanto, Ele não me concede a graça da facilidade... AINDA BEM!!!


Quantas injustiças pratiquei e fui alvo... inúmeras...


Fui vivendo remoendo questionamentos e chego a conclusão de que, graças a Bondade do Meu Mestre, posso ser a última na vida das pessoas de um modo em geral... nos acontecimentos da vida... no cotidiano atribulado... nas circunstâncias favoráveis ou não...


Só assim, posso, antecipadamente, saborear a porta estreita e vislumbrar as delícias celestiais que estão por vir...


Se minha vida tivesse sido de mordomias... eu não lha daria valor algum e teria vivido em vão...


Obrigado, Senhor, pelas constantes portas estreitas onde o Senhor se revela para mim, por elas, com tanto carinho patriarcal...


Haja porta estreita para que eu valorize a vida em sua plenitude!!!


Graça a pedir no dia de hoje: não portas largas e sim coerência de vida...


Porta larga: comodidade...


Porta estreita: revisão de vida... correção do Pai... atenção com atalhos... reaproximação com o Caminho...


Quando Ele me abre as portas estreitas ao longo da minha vida... vai me aprumando...me convertendo... extirpando defeitos e vícios...


Livre-me, Senhor de uma Religião de fachada apenas!


http://www.idade-espiritual.com.br/