domingo, 3 de maio de 2015

«Permanecei em mim»

5º Domingo da Páscoa.
Ao meditar no Evangelho de João, 15,1-8 detive-me na seguinte  passagem :


Senhor, fonte da Verdadeira Vida, da tua seiva me alimento, mas quantas vezes me sinto qual ramo seco a desprender-se da videira, para logo de seguida ouvir a tua voz que sussurra ao meu coração:
“Permanecei em mim”.
Como é maravilhoso sentir que este convite me incita a deixar-me arrebatar pela tua Palavra e através dela e pela oração morar em ti!
Mas, Senhor, sou fraca e sem ti nada posso, nada sei e produzo pouco fruto!
Purifica-me, Senhor, e poda todos os ramos secos que ainda me habitam e me inibem de ser totalmente tua!
Rogo-te, senhor, que me ajudes a estreitar a minha união Contigo pela oração profunda, no silêncio de Ti, para que a minha  vida se torne cada vez mais fecunda e fortificada pelo Teu Corpo e Sangue, na Eucaristia e  imbuída do teu Espírito, possa espalhar os frutos do teu amor junto dos que têm sede de Ti.


Abraço em Cristo.

http://rotasdiferentes.blogspot.com.br/