sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Á LUZ DO EVANGELHO (Lc. 8,1-3)



Senhor Jesus Cristo; toca o meu coração,
desperta os meus sonhos de criança que
estão enterrados nas minhas raízes 
pelo silêncio!




Senhor dá-me o amor por excelência, o amor da cruz. 
Não das cruzes heróicas,
que poderiam aumentar a minha vaidade, mas das 
cruzes vulgares que vou suportando com 
repugnância: 
aquelas que se encontram todos os dias na 
contradição, no esquecimento, 
no fracasso, nos falsos juízos, na frieza, nos 
desaires e no desprezo dos outros,
 no mal-estar e defeitos do meu corpo, 
na obscuridade da morte e no silêncio 
e aridez do coração.
Então, e só então, Tu saberás que Te 
amo, e mesmo que eu não saiba, 
isso me basta.
Senhor, quero crescer interiormente, 
mas tenho medo das tribulações.
Reveste-me com a Tua força. 
Ámen.*

Abençoado final de semana
Paz e Bem.*


Josélia Micael