domingo, 4 de outubro de 2015

O projecto ideal de Deus

Reflexão à Luz do Evangelho de São Marcos 10,2-16



Deus ofereceu-me um projecto ideal e indissolúvel  na vivência do matrimónio em comunhão total com meu esposo, na fidelidade, partilha, respeito mútuo e amor sincero.
O casamento não é um sacramento de caminho fácil. É como um serviço de entrega a Deus com o qual me comprometi  e que vou tentando construir no dia a dia "na alegria,  na tristeza, na dor,  por todos os dias da minha vida"! 
No entanto, por vezes, este trajecto tem muitas falhas, fracassos e até desilusões. Porquê negar?
Aqui está o grande desafio no compromisso e obediência a Deus. Não desistir de corresponder ao  amor que Ele me confiou, de me reconciliar a cada instante com Ele dando testemunho desse amor eterno.

 Para continuar a dar o meu  humilde contributo para a construção do Reino,  Jesus propõe-me outro desafio não menos exigente: a não exclusão dos irmãos e irmãs que por alguma dificuldade  romperam o seu compromisso de matrimónio,  acolhendo-os, compreendendo-os e auxiliando-os na integração na comunidade cristã.



João, 4, 12
«Se nos amarmos uns aos outros, Deus permanece em nós
e o seu amor em nós é perfeito».

Um bom domingo,
Abraço em Cristo.

http://rotasdiferentes.blogspot.com.br/