domingo, 29 de novembro de 2015

1º Domingo de Advento

Reflexão à Luz do Evangelho de  Lc 21,25-28.34-36
«Vigiai e orai, diz o Senhor»!


Advento tempo de vigilância, de oração, de conversão. Tempo de alegria e esperança na expectativa da vinda do Senhor, Deus encarnado, que vem e virá e me convida a que, em cada dia, caminhe com firmeza deixando-me moldar por Ele, percorrendo as suas veredas na partilha e solidariedade para com os outros. 

Prece 
«Aqui estou, Senhor Deus,
para começar este Advento.
Não sei por onde me levarás
nesta estrada até ao Natal.
Não tenho palavras bonitas para Te dizer.
Só consigo dizer-te que estou disponível.
Bate-me à porta!
Acorda-me
Abre-me os olhos
para eu ver as surpresas
que para mim tens preparadas».


Santo Advento para todos.


Prece
(Rezar no Advento 2015)
Edições Salesianas

http://rotasdiferentes.blogspot.com.br/

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Meu Revelador de Martírios Cotidianos

21,12-19

 Ocasião para dardes testemunho...

Senhor,
O Evangelho de hoje foi feito para mim de uma forma toda especial:

Sereis entregues até mesmo pelos próprios pais, irmãos, parentes e amigos...  vos odiarão por causa do meu nome. 

Sabe bem o Senhor como sofro por isso...
Como tenho lutado para restabelecer a paz e harmonia com familiares...

Por outro lado, tenho a grande dádiva de ter inúmeros amigos, familiares não de sangue e mães de coração...
Só pode ser sua Obra Generosa a me aquecer e acalentar...

Obrigada, Senhor!
(Uma foto que me faz recordar bem um certo dia onde me refugiei com a tia e amiga)

(Tia que mimou até falecer neste ano, uma mãe para mim, cristã e cheia de fé... quem não se lembra de bolo de mãe quentinho?)


Se é o preço que preciso dar para segui-Lo e amá-Lo... eu aceito com mais ânimo e generosidade...
Durante a vida, tive que me afastar de todos depois de muito sofrer toda sorte de humilhações... ou melhor, o Senhor foi me tirando um por um... para o meu bem maior... um verdadeiro martírio para quem ama sua família, por temperamento, como eu...
Fui compreendendo, aos poucos, as consequências do seu seguimento (hostilidades, tribulações, incompreensões, situações difíceis)... foi duro demais mas já aceito bem e, por incrível que pareça, agora, o Senhor me devolve os que são para o meu bem e para  minha integração pois amo familiares por perto...
(Meus tesouros preciosos)

O que me segurou a vida toda foi minha própria família... 

Obrigada, Senhor, pelo Dom da Paciência em esperar seu Tempo para todas as coisas...

"É pela vossa perseverança que conseguireis salvar a vossa vida!"

Concede-me sempre a compreensão necessária para enfrentar, de pé, os tumultos da vida em relação aos pontos de hoje mostrados pelo Evangelho...
Muito obrigada, meu Mestre Amado...
Amém!


"São tantas acusações! Somos perseguidos, caluniados, incompreendidos, não aceitos e não amados, mas o importante é sabermos que Deus cuida de nós, que Ele é nossa resposta e sabe quais são as intenções do nosso coração."

http://www.idade-espiritual.com.br/




sábado, 21 de novembro de 2015

Meu Deus Ouve Minha Oração


(Linhares- ES)

Lc 19,45-48

‘Minha casa será casa de oração’


(Anchieta- ES)


Senhor, tenho necessidade de orar... é imperiosa em mim...
Sempre o Senhor ouve minhas preces de uma forma ou de outra... mais cedo ou mais tarde...
Vê apenas o conteúdo da minha oração e não se a faço bem feita ou não... que bênção!
O Senhor é muito justo... faz justiça sobre minhas causas... é fiel!
Suplico-Lhe pelo mundo todo no dia de hoje... tão carente de amor e tão necessidade de graças de toda sorte...
Mesmo que minha oração seja mesquinha e egoísta... que eu Lhe peça necessidades temporais tão somente... a sua Bondade é sem fim e me  cumula com tantas outras 'vantagens' em todos os níveis do meu viver...
Age mesmo em função dos pequeninos...
Só me resta, , agradecer-Lhe pelo tamanho  imenso do seu Generoso Coração Santo e que se compadece de mim...
Sua casa é para Oração...
Peço-lhe que a minha casa interior (coração) também seja e sempre!

Obrigada, Senhor!




(São Mateus- ES)









quarta-feira, 18 de novembro de 2015

"...pois eu tinha medo de ti, porque és um homem severo"




"...pois eu tinha medo de ti, porque és um homem severo. Recebes o que não deste e colhes o que não semeastes."
Lucas 19, 11-28

Quantas vezes me perdi no medo, Senhor?
Quantas vezes estive longe da Tua presença, por medo?
Quantas vezes não adentrei as águas profundas, com medo?
Escondi-me de Ti.
Fiquei longe de Ti.
Tive medo.

Escolhi caminhos mais fáceis.
Comodidades.
Destinos traçados.
Achei-me senhora de mim.
Não quis usar o que me destes, com medo da
Tua ira...desconhecia Teu amor de Pai...
Acreditavas um carrasco. Severo. Irredutível.
Tive medo.

Medo de não ser capaz de multiplicar os dons que a mim confiastes.
Medo de não ser forte e não perseverar até o fim.
Medo de não corresponder as expectativas.
Medo do ridículo.
Medo do diferente. Do estranho.
Da humilhação. Da exclusão.
Guardei os talentos.
Enrolei-os num lenço.

De repente, os caminhos se embaralharam...
As comodidades tornaram-se correntes pesadas.
Os destinos traçados, sufocantes.
E já não podia seguir.
Não só...
Resolvi voltar. E vi a Ti.
O Teu amor em mim. Em cada instante. 
Em cada partícula do meu viver.
Te enxerguei de braços abertos. Em festa.

E quando pensei que teria medo, confiei.
Te dei a mão.
Perdoa-me, Senhor, sou pecadora!
Sou uma serva má que não fez frutificar os talentos pra mim doados com tanto amor.
Perdoa-me, Senhor, sou pecadora!
Dá-me mais uma chance.
Clamo a Ti!
Misericórdia!



domingo, 15 de novembro de 2015

Somente o amor permanecerá!


O sol escurecerá e a lua não mais brilhará.
As estrelas do céu cairão,
as forças do céu se abalarão.
O Filho do Homem numa nuvem há de vir
com toda a sua glória e poder sem fim.
Aos quatro cantos da terra os Anjos serão enviados
para reunir os eleitos de Deus muito amados.
"O céu e a terra passarão,
mas as minhas palavras não passarão,"
assim diz Jesus, meu guia, minha Luz!
Os fins dos tempos não temerei!
De Deus, faça-se cumprir a lei.
Da figueira aprendi esta parábola:
Quando seus ramos ficarem verdes 
e as folhas começarem a brotar,
sei que o verão está para chegar.
Assim também acontecerá:
os sinais dos tempos anunciará
a vinda de Jesus para me salvar!
Somente o amor permanecerá!
Preparada preciso estar!
Cultivar o amor, evangelizar,
o próximo ajudar!
Semear a paz com muita fé e alegria!
Eis o meu exercício de cada dia!



Inspirado no Evangelho de Marcos 13, 24-32



Abraços fraternos,

Sileni Machado


sexta-feira, 13 de novembro de 2015

A vinda de Jesus


Imagem da Web

Devo sempre estar preparada para a vinda de Jesus.
Ele não irá me preguntar se posso naquele dia, não vai consultar minha agenda de compromissos, então terei que estar a cada dia me preparando para o dia da vinda do Senhor.
Mas tem uma coisa Ele vem até mim, através dos fracos, dos oprimidos, do doente, da pessoa que vem buscar um alimento ou uma palavra amiga.
Devo e tenho que estar preparada para este encontro também, por que é Jesus que vem através destas pessoas, nos dando oportunidade de fazer caridade verdadeira, a caridade generosa, não por que se eu não der não irei para o céu, mas para fazer de verdade a caridade que Jesus me fala tanto em seu Evangelho.
E chegará um dia que Jesus virá me buscar, para viver na eternidade e tenho que estar preparada, como se fosse hoje o dia.
Não irei receber um e-mail avisando que Ele está vindo, não, Ele virá de surpreso, quando eu menos esperar e tenho que estar com o coração puro, limpo.
Eu não quero ser aquela pessoa, que será deixada, eu quero ir com o Senhor para o céu e para isso, procuro viver a palavra de Deus sempre.
Vou ter muito cuidado sempre com os falsos messias que andam por aí em qualquer esquina, devo ficar atenta sempre, mesmo que as preocupações diárias tentem me afastar do caminho verdadeiro, busco sempre o essencial, por que o provisório é passageiro.

Orar, agir e ter fé é o caminho para a salvação.
                  Paz e Bem!
           Um abraço, Maria Teresa.

sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Quero ser a filha da luz divina


Evangelho (Lc 16,1-8)
               Pela luz do Espírito Santo de Deus, pela graça derramada por todos os meus dias...te peço Senhor: Ajude-me a revelar sua face aos meus irmãos em Cristo. Não permita-me Pai, que a desonestidade cegue o meu espírito.
            Livra-me das trevas dos desonestos e acolhe-me em sua luz pela divindade santa que é o seu propósito... quando me fez nascer em uma família que celebra os valores , o caráter e atitude cristã. Se eu me perder...vem Senhor, me salvar! Se eu te negar...acendei a minha luz, Jesus! Para que eu possa lembrar e reconhecer que, és o meu único Salvador e que nada temerei se a Ti servir com fidelidade, e temor cristã.
                                             Amém!

Carregando Minha Cruz



O mundo necessita da coragem, da esperança, da fé e da perseverança dos discípulos de Cristo. O mundo precisa dos frutos, dos Dons do Espírito Santo.

O mundo tem necessidade de homens e mulheres que não estejam fechados, mas repletos do Espírito Santo.

(Arautos do Evangelho)


"Quem não carrega sua cruz e não caminha atrás de mim, não pode ser meu discípulo."

(Lc 14,25-33)


Senhor, sabe bem como estou... não sucumbida pelo peso atual da minha cruz mas esperançosa e confiante na tua Vitória...
Hoje quero agradecer pelo tamanho da minha cruz atual... Sei que não me faltarão forças... haja o que houver!
Quero somente, de uma forma toda especial, renunciar aos meus filhos... cada um deles...
Seja feita a sua Vontade na vida deles, meu Mestre Amado...
Confio em Vós...
Cuide da cirurgia de um deles neste mês, Senhor... obrigada.... amém!

"... qualquer um de vós, se não renunciar a tudo o que tem, não pode ser meu discípulo!”




domingo, 1 de novembro de 2015

Sermão da Montanha

Reflexão à Luz do Evangelho de  São Mateus 5,1-12a.



O Senhor através do Sermão da Montanha ensinou-me um caminho pleno de esperança convidando-me  a dar um novo rumo à minha existência com vista à santidade saindo do meu egoísmo, do meu orgulho, para me envolver no Seu Projecto para a transformação aqui e agora de  um mundo mais justo e fraterno, onde a paz seja possível.
Bem-aventurada serás se construíres o meu Reino na Terra, diz-me o Senhor.
Bem-aventurada serei se abrir o meu coração à santidade e com alegria ajudar à construção do Reino.
Bem-aventurada serei se deixar o meu orgulho e viver na humildade;
Bem-aventurada serei se nos momentos de desânimo e sofrimento abrir o meu coração ao Senhor e me deixar consolar por Ele;
Bem-aventurada serei  se  me saciar  com o Seu Corpo e Sangue na Eucaristia;
Bem-aventurada serei se na minha vida o perdão for prática quotidiana;
 Bem-aventurada  serei se aceitar as contrariedades do mundo com mansidão, bondade e amor; 
Bem-aventurada  serei se olhar a Deus com o coração limpo e puro;
Bem-aventurada serei se for justa e espalhar a paz em meu redor;
Bem-aventurada serei se suportar com firmeza os que me injuriam  por amar a Deus, morrendo interiormente  para que Jesus em mim ressuscite.


 Com todas as minhas imperfeições e limitações rogo a Deus com todo o meu fervor  que, pela acção do Seu Santo Espírito, me conceda um coração pobre sempre disposto a amar, a perdoar, a servir,  de modo a que possa  vivenciar  em toda a plenitude as bem-aventuranças proclamadas por seu Filho Jesus.

Bom domingo.
Abraço-vos na paz de Cristo.

http://rotasdiferentes.blogspot.com.br/