quinta-feira, 20 de julho de 2017

Meu Semeador Fiel


Mt 13,1-23


“O semeador saiu para semear."

Senhor Deus,  sei que me sondas...
Semeaste tantas coisas boas em meu coração em muitos anos de caminhada...


Enquanto semeava, algumas sementes caíram à beira do caminho, e os pássaros vieram e as comeram.

Tive que deixar  muita coisa para trás pois não eram do Senhor. Alguns pássaros tinham o prazer de roubar minhas sementes,,, de uma forma até fácil pois as deixava à beira do caminho...


Outras sementes caíram em terreno pedregoso, onde não havia muita terra. 
Tive tantas pedras pelo caminho afora... sufocaram as sementes que tinhas lançado em mim, em meu coração...
As sementes logo brotaram, porque a terra não era profunda. Mas, quando o sol apareceu, as plantas ficaram queimadas e secaram, porque não tinham raiz.
A dor e o pesar não me deixaram aprofundar tão lindas sementes com que infiltrastes em minha terra árida num deserto sem fim.
Chorei, sofri, machucaram meu coração demais...
Solidão e dor sufocaram muitas sementes...
Outras sementes caíram no meio dos espinhos. Os espinhos cresceram e sufocaram as plantas.
Os espinhos dominaram meu castelo interior pois não tive forças suficientes para recolher em meu coração as tuas sementes lindas...
Outras sementes, porém, caíram em terra boa, e produziram à base de cem, de sessenta e de trinta frutos por semente. 
Por sua grande Graça um belo dia, meu coração, meu ser por inteiro recolheu as lindíssimas sementes que mais se pareciam pérolas  e comecei a florescer... inesperadamente... sutilmente o senhor me fez florescer por sua infinita Bondade sem que eu merecesse até. Tanto amor, tanta dedicação... eu que não colocava antes o Senhor como prioridade em minha vida.
"Quem tem ouvidos, ouça!”
Um belo dia, o Senhor abriu-me os ouvidos... pude não só ouvir como também Te escutar... que milagre! Quantas bênçãos me reservaste!
“Por que falas ao povo em parábolas?”
Eu pude compreender o que me dizias em metáforas passo a passo... me deste sabedoria para discernir entre o bem e o mal.
Agora, Senhor, não faço nada sem te perguntar primeiro:
- Senhor, que queres que eu faça?
Então posso Te dar frutos a cem por um quando me respondo e tenho força de acolher em meu coração tua sábia Vontade para mim... por seu mérito...
Louvo-Te pelas maravilhosa semeadura que me salvou de me  perder no mundo e de mim...
 À pessoa que tem será dado ainda mais, e terá em abundância.
Obrigada, Senhor, por estar colhendo em mim amor, paz, carinho, alegria e outros dons e virtudes para alegrar, ser e fazer feliz aos demais, meus semelhantes...
Não poderia dar o que de Ti não tenha recebido...
Perdoe, por favor, aos que não ouvem, não obedecem por não terem provado e saboreado o Teu Amor Bonito e Grandioso e faz os demais sofrerem sem dó nem piedade...
Continues me ajudando a não perder o foco, que eu seja teu canal de amor, alegria e paz a todos que por mim passarem, os que passarem pelo meu caminho e pelo meu coração que é frutífero por ter tudo de bom que de Ti recebi e que foi recolhido com carinho em meio às lágrimas inúmeras que secaste para mim porque me amas muito...  meu Deus amoroso.
Aos insensíveis, teu perdão!
Aos humanos e purificados, todo teu Amor imenso!
Obrigada, só me resta nesta vida agradecer-Te por tantas bênçãos.


Obrigada por novas semeaduras que nunca se cansa de realizar em mim para me ver feliz ainda nesta vida, Senhor!